“Quinta-se, em Casa!” 2ª edição | Ação Social – por Hang Ferrero

23 de agosto de 2019 2 Comentários

Na noite de 22 de agosto, tivemos a 2ª edição do evento literário e também cultural-plural do “Quinta-se, em Casa!”, que definitivamente, veio pra ficar.

Concebido à partir da idéia do “sinta-se à vontade”, “a casa é sua”, e tendo a quinta-feira como pano de fundo, o ‘Quinta-se, em Casa!’ recebe escritores, poetas, músicos, compositores, artistas da dança, artistas visuais etc, para o compartilhamento de ideias e ideais, sempre presenteados com apresentações arrebatadoras, no palco.

Ontem, foi o dia de provocar os declamadores, que abrilhantaram, não se fazendo de rogados, o espaço. Contou ainda com as internvenções musicais e poéticas, dos talentosos, João e Marcelo Orates, Sahra Stamm, Heber Eliel, Tamires Pereira e Paulo Gekas e a bailarina Kamila Souza, que emoldurou a noite com um número espetacular de dança do ventre.

Agora, o que marcou de maneira incontestável, a noite, foi a maneira afetuosa com que o público se envolveu para o propósito do evento: arrecadar fundos e outras possibilidades para o menino GABRIEL MÁXIMO DA SILVA, de 5 anos, que sofre de paralisia cerebral severa e outras complicações.

Como no “Quinta-se, em Casa!” não se cobra entrada, sugerimos a colaboração espontânea em uma caixinha-cofrinho à entrada do Célio´s Culinária Açoriana, local da “residência” do evento. Além disso, recebemos a doação de um quadro do artista plástico Paulo Motta e fizemos um leilão, a peça foi arrematada, revertida a verba para o Gabriel e a generosa Miriam Almeida, que deu o maior lance para a peça, doou a mesma para a família, para que esta, ficasse com a lembrança do significado da 2ª edição do nosso “Quinta-se, em Casa!”.

Livros dos autores locais e de autores publicados pelo editor e escritor Anderson Fabiano, dono da ideia, foram vendidos por 10,00 e revertidos também para o evento.

O proprietário do Célio’s Restaurante, Murilo Reis, propôs o preparo de uma sopa, e parte da arrecadação da venda do delicioso prato, também foi revertido para ajudar o menino Gabriel.

Contamos com o apoio da ALBC – Academia de Letras de Balneário Camboriú e de vários amigos, para movimentar a energia do evento, que não ouso dispor os nomes aqui, que de tantos, receio esquecer de alguém, mas preciso destacar o apoio imenso, da minha musa Dea e de Maria Fernandes, sem vocês…

Tivemos expositores, como a “Lá de Casa”, com cookies, pães e doces sem conservantes, a “Papinhas da Juju” e os registros mágicos da generosa fotógrafa Mariane Nass.

Em tempo: e… amigos por todos os lados. Agora que você já sabe das coisas que a gente apronta aqui, na próxima, venha com a gente e “Quinta-se, em Casa!

Se você quer conhecer a história do Gabi, de 5 anos e, tem interesse em ajudá-lo, acesse o link:

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/gabrielzinho-quer-andar?fbclid=IwAR2kpo9rVEKxdGNS67CjHgU8pDJrnryZ6JRHj1zsoYZM60goVa1ZRlLrz6k

 

 

Na foto, o registro da “finaleira”; muitos amigos já tinham ido embora pelo avançado da hora, em breve, outras capturas.


2 Comentários para “Quinta-se, em Casa!” 2ª edição | Ação Social – por Hang Ferrero:

  1. estevamweb disse:

    Em qual cidade é o Quinta-se, em casa?

    1. hangadmin disse:

      Olá Estevam; o Quinta-se, em Casa! acontece entre a primeira e terça do mês ( mensal ), em Itajaí SC, onde resido.

Deixe uma resposta