Hang Ferrero, nascido em Laguna, de Anita Garibaldi, das águas por todos os lados e toda monta de seres do imaginário nativo; acredita que por conta dessa atmosfera providencial, tenha alimentado a verve poética.

Imagem Hang

Últimos poemas

12 junho, 2018

Inocência

lírios menos pálidos . flagrados num ofurô transbordante de pólen . soprando sementes  só pra ver estourar as bolhas...


02 junho, 2018

Psycho

acho que foi a surpresa: uma prática pra quebrar janelas sem sangrar os pulsos dois pulsos de um amor...